10 dicas de marketing digital para incorporadoras
10 dicas de marketing digital para incorporadoras

Dica 09 Abril 2020 Por Emília Felix

10 dicas de marketing digital para incorporadoras

Folhetos e estandes de venda não estão sendo mais suficientes para vender imóveis. Tendência em todo mercado, o marketing digital para incorporadoras tem sido imprescindível para alavancar a presença digital das marcas. Uma estratégia bem pensada pode melhorar muito o ROI da sua empresa, fazendo valer o investimento e fazer com que sua empresa atinja um resultado maior com custos reduzidos.

Sabendo que a maioria das compras de imóvel começa com uma simples pesquisa na internet, buscar estratégias no meio digital é também uma forma de pensar no futuro e se preparar desde já para superar a concorrência. Separamos algumas das principais práticas de marketing utilizadas no mercado imobiliário para você aplicar na sua construtora ou incorporadora e começar a vender mais rápido!

1. Monte um planejamento

Uma etapa inicial de estudo é crucial para desenhar a estratégia de comunicação da sua incorporadora. Analise o que a concorrência está fazendo e também o momento do mercado para o nicho imobiliário. Defina seus objetivos principais e metas atingíveis para cada um deles. Tudo isso precisa caber dentro do orçamento que você tem disponível.

Como será a sua forma de analisar se deu certo? Os seus KPIs devem ser realistas e focados naquilo que faz realmente diferença na hora de monitorar dados. Fuja das métricas de vaidade e pense em indicadores que não dependam apenas de uma parte da equipe. O ideal é que eles sejam atingidos por meio de um esforço conjunto do seu time.

Com isso, você pode criar seu mapa de ações para trabalhar ferramentas de inbound marketing na sua estratégia. Estabeleça as personas do seu negócio com o máximo de detalhes sobre os hábitos do seu cliente ideal. Assim você segmenta a comunicação e sabe como atingir diretamente o seu público.

Ilustração com dois personagens em um escritório de frente para um quadro cheio de pequenos post-its, representando a análise de concorrência que deve ser feita por incorporadoras que estão entrando na era digital.
Uma boa análise de concorrência ajuda você a traçar a melhor estratégia

2. Crie um site próprio

É a forma que você tem de criar um cartão de visita digital. Quando as pessoas forem pesquisar sobre a sua incorporadora, é preciso inserir todas as informações que gerem confiança na empresa e que solucionem as principais dúvidas do cliente. 

Tenha uma identidade visual que seja a cara da sua incorporadora. Com elementos únicos, sua marca vai ser lembrada rapidamente pelo público. Fuja de templates prontos e invista em algo só seu, adaptado ao seu perfil de empresa. Além disso, não se esqueça de que muitas pessoas acessam a internet pelo celular, por isso, seu site deve ser responsivo e adaptável aos mais diversos aparelhos.

Ilustração com personagem representando o chefe de uma incorporadora e a ampliação de seu crachá para mostrar que o site de uma incorporadora é seu cartão de visita virtual
Com um site, você tem uma espécie de cartão de visita virtual só seu para se apresentar na internet

3. Faça um blog

Com um blog que funcione como um apêndice do seu site, você pode trabalhar com mais força o marketing de conteúdo para entregar ao público dúvidas sobre os problemas mais comuns do seu nicho. Você pode discutir e propor soluções sobre o mercado imobiliário e a construção civil em artigos didáticos que vão te render muita credibilidade.

Isso é fundamental para pensar na otimização para mecanismos de busca. Com o uso das palavras-chave corretas, você pode alavancar seu negócio e disparar para as primeiras páginas de pesquisa do Google. O truque é simples: pense naquilo que o usuário deseja encontrar.

Trazendo conteúdo com textos bem construídos, imagens relevantes e palavras-chave bem relacionadas, você garante um bom SEO para a sua empresa, facilitando o tráfego orgânico nas suas páginas. Uma boa dica é trabalhar o SEO local para alcançar clientes que estão perto da sua área de atuação.

Ilustração com um personagem no computador criando o próprio blog de sua incorporadora para criar credibilidade na internet
Um blog otimizado para SEO faz você aparecer nas primeiras páginas do Google

4. Nutra seus leads com e-mails

Entenda quem é o seu lead e como ele se comporta. O lead de uma incorporadora é diferente do lead das imobiliárias justamente porque a segmentação é bem maior. Com essa segmentação, é preciso pensar estrategicamente como cada fluxo de e-mail será desenhado.

Moradores e investidores possuem objetivos diferentes. Você pode criar planos de captação diferentes para cada um, pensando na abordagem, na linguagem e nos melhores canais para utilizar após a conversão. Pense no tipo de conteúdo que você pode utilizar para manter o interesse de cada um no seu empreendimento.

Ilustração com personagem no computador simulando dono de uma incorporadora preparando materiais de e-mail marketing para nutrir seus leads
Nutrir seus leads com e-mails é uma forma de manter e aprofundar o contato

5. Reative contatos antigos

Não é porque você já fechou o contrato de compra que acabaram as oportunidades de aprofundar o relacionamento com seus leads. Aproveite o pós-venda para trazer informações que revivam o desejo do comprador de morar logo em seu novo imóvel na planta, tentando superar a dor da espera. Mostre que você compartilha do mesmo sentimento que ele, use uma linguagem próxima e pessoal. Já pensou em fazer reportes periódicos sobre o andamento da obra?

Mantenha um banco com todos os seus contatos. A finalização da compra não torna esses leads frios, afinal, você tem um canal de comunicação aberto com eles para reforçar o propósito da sua marca e chamar atenção desse usuário para um novo empreendimento. Esquematize mensagens periódicas para avaliar se a família está satisfeita com o imóvel atual ou se a família já se transformou a ponto de buscar um novo lar.

Isso também vale para investidores. Separe os clientes que compraram mais de um imóvel ou que compraram para revenda ou aluguel. Conteúdos voltados para a rentabilidade dos seus produtos são fundamentais para atrair esse tipo de público. Lembre-se de chamar atenção para elementos como o bairro em que o empreendimento está localizado, o público do empreendimento em questão e outras comodidades.

Imagem de família unida com cachorro. Contatos antigos de incorporadoras podem ser resgatados para saber se aquela família que comprou um imóvel há uns anos não está pensando em mudar de casa novamente.
Seu lead está satisfeito com o imóvel atual que possui?

6. Faça anúncios na internet

Utilizando o Google Adwords você pode criar campanhas nos mais diferentes formatos e focadas em trazer tráfego para o seu site ou blog. A cobrança desse tipo de anúncio é feita com base na quantidade de cliques e é uma estratégia interessante para gerar mais leads.

Entenda bem quem é o seu público para fazer campanhas cada vez mais segmentadas. Com chamadas atrativas recheadas de copywriting, você pode criar uma estratégia de comunicação integrada, unindo seu site, blog, mídias sociais e pesquisas no Google, por exemplo.

Outra técnica importante é a de remarketing. Sabe quando você entra em um site e depois fica vendo aquele mesmo anúncio em todos os lugares? É mais ou menos assim que ele opera. É muito útil para refrescar a memória do usuário sobre algo que ele pesquisou, mas cuidado para não fazer campanhas com mais de 90 dias, para não ficar cansativo demais.

Ilustração com personagem cercado de vários dispositivos digitais, cada um com um anúncio de sua incorporadora
Os anúncios direcionam seu conteúdo para o perfil de público que você deseja

7. Esteja nas redes sociais

As redes sociais são canais perfeitos para criar vínculo com seus clientes por meio do marketing de conteúdo. Produzindo conteúdo de qualidade sobre mercado imobiliário e construção civil, você constrói aos poucos sua credibilidade como marca nesse ramo e pode se tornar uma referência.

Quais canais você deve usar? Isso depende do seu público. Lembre-se que seu objetivo é engajar com os usuários, por isso, você deve estar onde eles também estão. E isso vale também para a linguagem que você utilizará em cada canal, que deve estar de acordo com a persona que o consome.

Confira os principais canais utilizados pelas empresas:

  • Facebook: destaque para os grupos de discussão, que agregam usuários por áreas de interesse.
  • Instagram: por ser mais visual, abre oportunidade para você abusar da beleza e das vantagens dos seus produtos.
  • Linkedin: é um canal para networking, então pode ser muito positivo se conectar com o mercado compartilhando experiências.
  • YouTube: só perde para o Google como mecanismo de busca, por isso aproveite vídeos didáticos para ganhar credibilidade.
  • Google Meu Negócio: integrado ao Maps e Analytics, ajuda sua empresa a ter um perfil com descrição e avaliações de clientes.
Ilustração com vários clientes, cada um é diferente e cada um participa de uma rede social diferente.
Estude o tipo de público que usa cada rede social para definir quais serão as suas

8. Use um CRM para gerir leads

Uma compra complexa como é a de um imóvel demanda tempo, por isso é importante que seus times de marketing e de vendas estejam alinhados. Com uma ferramenta de CRM, vocês podem analisar como os clientes caminham pelo funil de vendas e quais são as melhores formas de nutri-los ao longo do tempo.

A nutrição funciona muito bem pelo meio online, mas é preciso integrá-la ao meio offline também. Dessa forma, você mantém consistência e unidade no atendimento que presta, independente do canal.

Ferramentas de CRM são úteis no marketing digital para incorporadoras porque mostram o fluxo dos clientes e como eles caminham pelo funil de vendas
O CRM ajuda a entender como os clientes caminham pelo funil de vendas

9. Analise os dados

Lembre-se de periodicamente checar dados e avaliar os KPIs que vc criou para metrificar o desenvolvimento da sua estratégia. Vale lembrar que o trabalho de marketing é contínuo e a longo prazo, por isso, cada verificação será fundamental para ver o que deve ser alterado para melhorar a estratégia.

Tente comparar seus números com o de seus concorrentes para entender onde estão os gargalos do plano estratégico que você criou. O mesmo serve para mudanças do mercado, que também podem influenciar mudanças no planejamento.

Pessoa em computador com celular. A análise de dados do concorrente é fundamental para avaliar se a sua estratégia de marketing digital está funcionando
Avalie seus números com base nos KPIs que você definiu

10. Coloque em prática

Ainda não sabe por onde começar para inserir as incorporadoras no mundo digital? O Comdono criou um espaço especial para consolidar sua presença na internet e destacar seus empreendimentos nos principais portais de busca de imóveis.

Usamos a tecnologia e o marketing digital para transformar a experiência de compra e venda de imóveis em Brasília. Colocamos seu anúncio onde o comprador está. O que você está esperando?

Instagram